Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ser tua Mãe

Uma espécie de diário desde o dia que soube que ia ser tua Mãe.

Uma espécie de diário desde o dia que soube que ia ser tua Mãe.

Ser tua Mãe

20
Mar20

Quarentena contigo há 1 semana e 1 dia.

para ti.

Hey filho, sei que não te tenho escrito por aqui… mas hoje tenho tempo. Tempo demais… Hoje dia 20 de março de 2020 estamos de quarentena voluntária há uma semana. A tua creche fechou e o meu trabalho agora é feito por casa. Nos teus inocentes dois anos e três meses isto até é giro. Ficas em casa com a mãe, brincas, escreves, pintas, vês tv comes o que queres quando queres, há muitos beijos e há muitos abraços. Mas a mãe vive na incerteza. Lá fora está uma pandemia… um vírus que abanou o mundo todo e que nos faz estar em casa resguardados para protegermos os mais fracos. Infelizmente há muita gente que não entende isto e continua a sair à rua para passear. O pai continua lá fora a trabalhar e infelizmente não pode fazer muito porque continuam a tirar o poder às forças de segurança. Tudo o que anunciam na tv é para nos tapar os olhos. Continuam a existir centenas de casos de pessoas infetadas e prevê-se que chegará aos milhares… E o que o governo faz? Um estado de “emergenciazinha” não há um recolher obrigatório e então o vírus continua a alastrar.
Porque te escrevo eu isto? Para um dia quando te sentares a ler estas palavras saberes que a mãe esteve sempre com boa cara todos os dias quando estavas a meu lado nestas semanas fechados em casa, mas por dentro… ai como estou eu por dentro com medo que te falte algo, e sei que isto irá ter um impacto muito maior do que o que agora está à vista.
Espero que um dia a tua geração saiba lidar melhor com estes problemas.
Sabes o que retiramos disto? O planeta estava a precisar de descanso, depois de vários países estarem a funcionar a meio gás a poluição desceu drasticamente. A Natureza está a regenerar-se e para isso foi preciso restringir a nossa liberdade.
Hoje já falas tanto, já sabes o que queres e não queres. Dás os melhores abraços do mundo e os beijos mais sinceros que alguma vez recebi. Do que depender de mim vais continuar a ser assim, para que se um dia algo voltar a acontecer deste género sejas o exemplo de um ser humano MUITO MAIS HUMANO que esta sociedade destes tempos que vivemos agora.
Amo-te

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Calendário

Março 2020

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.